sexta-feira, 25 de maio de 2012

Vou deixar te, por hora


Eu vou deixar te
por hora,
Retirar me por tempo,
Ausentar me por dia, ou noite.

O tempo é indiferente quando o sentido é tão singelo e agradável.
Com particularidades distintas que formam conexões similares.
Mas o que é teu, é único,
a idéia que formas é tua,
assim como o favor é de bom grado
hoje apenas é inspiração,

a dúvida persistente seria o mesmo tempo ou o motivo de tempo

2 comentários:

  1. Oi amiguinho, confere a publicação do meu livro...
    Compra tá?!
    www.agbook.com.br/book/130547--Poemas_E_SonhosM


    LINDO, QDO VISITARES O LINK DE MEU LIVRO DEIXES UMA MENSAGEM PARA MIM POR FAVOR, FELICIDADES E OBRIGADA.

    ResponderExcluir

..